https://i1.wp.com/www.justpushstart.com/wp-content/uploads/2013/04/fifa-14.jpeg

A época actual ainda está a terminar mas a pré-temporada da Electronic Arts já começou. FIFA 14 já foi anunciado e promete continuar na senda do tremendo sucesso alcançado pelo seu antecessor, onde já havia sido melhorada a jogabilidade e adicionados modos de jogo e extras. Poderão pensar que a nova versão de FIFA é “apenas mais uma”. E na verdade é mesmo, até porque todos os anos a série FIFA tem o seu lugar reservado no pódio dos jogos de futebol. No entanto, a nova temporada traz consigo algumas novidades bastante interessantes e que certamente vão agradar à maioria dos jogadores.

Ao longo dos anos a série FIFA tem sido fustigada por erros gráficos grosseiros, mais concretamente na caracterização facial dos jogadores. Felizmente que esses erros foram corrigidos (na sua maioria) na versão anterior. FIFA 14 promete continuar esse mesmo trabalho. Em vez de serem apenas alguns jogadores de maior renome a terem uma caracterização fiel à real, agora todos terão a possibilidade de estarem bem representados digitalmente. Ou pelo menos os jogadores dos campeonatos mais conceituados.

https://i0.wp.com/static.guim.co.uk/sys-images/Media/Pix/pictures/2013/4/18/1366293526211/Fifa-14-Career-Mode-globa-008.jpg

O modo carreira em FIFA 13 foi um dos pontos fortes do jogo e muito contribuiu para os milhares de fãs que a série tem vindo a angariar. Em FIFA 14 a fórmula foi ligeiramente melhorada em alguns aspectos, como por exemplo no Scouting. Os olheiros estão agora mais perspicazes no seu trabalho de observação e captação de jogadores e na elaboração de relatórios para o treinador – neste caso, nós. Relatórios esses que estão mais detalhados e concisos na avaliação das capacidades dos jogadores, contendo toda a informação que precisamos para decidirmos quais as melhores aquisições para a nossa equipa. As contratações continuam a ser um dos aspectos mais desafiantes do modo carreira. Não pensem que é fácil adquirirmos todos os jogadores que pretendemos! Os clubes estão ainda mais exigentes em relação aos negócios e temos que planear muito bem o valor a oferecer em cada contratação pretendida.

Na jogabilidade residem as maiores novidades e melhorias de FIFA 14, mais concretamente na física e nos movimentos dos jogadores. Até aqui têm sido evidentes as limitações nalguns movimentos efectuados pelos jogadores no sprint, remate e passe. Mas vamos por partes. Em FIFA 13 ao escolhermos equipas como Barcelona ou Real Madrid ficamos com uma ligeira sensação de que o jogo se pode tornar “fácil demais”, muito por culpa de senhores como Messi e Cristiano Ronaldo. Quando a bola chega aos pés de um destes craques, por vezes basta “carregar no acelerador” e tornar-se quase impossível pará-los. Até certo ponto está realista, mas jogar assim certamente não nos convence. Na nova versão isso já não acontece com tanta facilidade, pois o sistema de sprint foi programado para que seja exigida uma jogabilidade mais estratégica e um constante apelo ao espírito de equipa para chegarmos à baliza adversária.

https://i1.wp.com/media.edge-online.com/wp-content/uploads/edgeonline/2013/04/FIFA141.jpg

A forma como os jogadores rematam foi completamente remodelada. Primeiro, a colocação do corpo em relação à bola foi melhorada e o jogador ajusta sempre a posição para rematar. Em relação ao seu antecessor é uma enorme melhoria, onde por vezes ficávamos com a sensação de que os remates “saíam do nada” e a forma como estes eram efectuados pareciam algo desajeitados. Como não podia deixar de ser, a EA continua a apostar forte no aumento da realidade futebolística na sua série. A física da bola é o mais recente exemplo, onde foi essencialmente melhorada a sua trajectória. Em FIFA 14 já não é tão frequente a direcção linear que a bola tomava assim que era rematada. Foram adicionados novos efeitos e para que este sistema não defraude as expectativas dos fãs, foram realizados vários estudos a partir de encontros de futebol reais. Posteriormente, foram feitos os testes necessários em realidade virtual para que as melhorias pudessem ser implementadas da melhor forma possível. Visto que o sistema de passes também necessitava de uns pequenos ajustes, todos os testes levados a cabo pela EA tiveram também em conta a forma como os passes são agora feitos, considerando a trajectória da bola e a força utilizada em cada passe.

https://i0.wp.com/www.gamegen.com.br/wp-content/uploads//2013/04/FIFA-14-02.jpg

A inteligência artificial dos defesas continua a melhorar significativamente. Em FIFA 13 o progresso já havia sido notável, com o tal famoso sistema que nos permitia controlar a defesa como um todo e abordar os ataques do adversário de forma conveniente. Esse sistema está novamente presente e ainda melhor! Houve o cuidado de trabalhar a IA para que não fossem cometidos erros grosseiros – naturalmente vão continuar a acontecer, tal como em partidas reais de futebol – pelos defesas e que exista uma maior segurança na transição defesa-ataque ou na abordagem aos lances perigosos.

Para já são estas as melhorias mais significativas que FIFA 14 tem para nos apresentar. Não cremos que se trate apenas de uma “actualização” de FIFA 13 como muitos fãs reclamam, tendo em conta o cuidado que a EA tem tido em melhorar todos os aspectos da série, principalmente o seu realismo. Com a bênção de Lionel Messi – novamente representante e capa do jogo – espera-se que FIFA 14 consiga honrar o legado do seu antecessor e manter o lugar no trono dos jogos do desporto-rei.

Article date creation: 05/07/13 - Nova Geração de Entretenimento
Anúncios